Top 10 Momentos Eureka: Banho, Cama e Carro

Na busca de novas soluções, fazemos muito “brainstorming”. Reuniões para gerar novas ideias aos desafios urgentes. E quando é feito profissionalmente, temos um monte de ideias. Mas elas são as nossas melhores? Esta é a pergunta. Brainstorming está sob muito criticismo nos dias de hoje. Esta ferramenta nos dá as melhores ideias possíveis? Fazemos isso da maneira correta?

Vamos dar um passo para trás. E dar uma olhada na nossa vida pessoal. Você se lembra com certeza de alguns momentos AHA; aqueles momentos em que uma grande ideia aparece em sua cabeça. Todo mundo tem. Interessante é quando isso acontece?

Fiz essa pergunta no LinkedIn e 211 gestores e profissionais de todo o mundo descreveram seus momentos Eureka ou AHA. Algumas citações típicas desta pesquisa indicativa:

“Em meus sonhos, dormindo ou acordado, enquanto caminhava na floresta ou ao ar livre na natureza, mas raramente quando estou no escritório.”

“Deitado na minha cama antes de dormir; costumo levantar, então, para escrever a ideia, a fim de não esquecê-la; durante o banho; ou numa caminhada na natureza.”

“Tenho as minhas ideias enquanto dirijo o carro, muitas vezes tive que ligar para o meu próprio telefone deixando uma mensagem de voz com a ideia antes que eu a esquecesse!”

“Ao passear com o cão, eu quase vejo as coisas mais claramente do que sentado em uma mesa. Acalmar a mente consciente dando à mente inconsciente espaço para respirar.”

“Na maioria das vezes é tarde da noite, cerca de 10 minutos depois de ir para a cama. Quando meu cérebro diminuiu o ritmo e eu sou livre para pensar o que eu quiser.”

Analisando todos os 348 momentos, criamos estes 10 melhores momentos Eureka, que responde por dois terços de todos “os momentos de grandes ideias”.

  1. Tomar banho 11,2%;
  2. Dormir 9,2% (sonhar);
  3. Dirigir 8,6% (carro, moto);
  4. Andar 8,0% (natureza ou passear com cães);
  5. Fazer exercício ou correr 7,2%;
  6. Antes de dormir 6,6%;
  7. Acordar 6,6%;
  8. Conversar 3,7%;
  9. Sozinho 3,2%;
  10. Sempre 3,2%.

O que mais me impressiona é que apenas 0,6% dos momentos Eureka acontecem “em um brainstorming” ou “no trabalho”. Esta pesquisa indicativa parece confirmar que, se paramos de pensar, as nossas melhores ideias surgem em nossa mente. Na minha profissão isso é chamado de incubação. Ela é definida como “um processo de recombinação inconsciente de elementos de pensamento que foram estimulados através de um trabalho consciente em um ponto no tempo, resultando em novas ideias em algum momento posterior”.

Se leva tempo para chegar em nossas melhores ideias, você deve planejar um período de incubação entre definir seu desafio e compartilhar ideias sobre isso com outras pessoas que estão envolvidas. Eu desenvolvi um método estruturado para começar a inovação em que a incubação tem um papel explícito. Na metodologia de inovação FORTH, há um passo de “Observar e Aprender” entre o início na primeira etapa e a oficina de ideação na etapa três. Na fase “Observar e Aprender” de 6 semanas você obtem novos insights e ideias nesses momentos de “não-pensamento”. Durante este período, você tem um livreto “Observar e Aprender” na mão para anotar tudo o que vem à sua mente: no chuveiro, durante o sono e dirigindo para casa. E isso compensa. Na fase de “Levantar Ideias”, todos entram na sala com livretos cheios de grandes ideias :-).

Então, se você realmente precisa de uma grande ideia: tome um banho, durma ou dirija e pare de pensar.

Por: Gijs van Wulfen | Tradução por: Filipe Costa

Sobre o Autor

Gijs van Wulfen (Holanda 1960) ajuda organizações a iniciar inovação efetivamente, como autor, palestrante e facilitador. Ele é fundador de método de inovação FORTH. Com FORTH ele cria produtos e serviços inovadores atraentes com equipes multidisciplinares. Em seu livro ‘The Innovation Expedition’ ele torna a inovação acessível ao contar a história de forma visual. Seus clientes são empresas internacionais em indústria e serviços, assim como organizações sem fins lucrativos. Gijs também treina e certifica facilitadores em seu método. Ele é palestrante em conferências internacionais de inovação e foi escolhido pelo LinkedIn como um dos 150 Thought Leaders.

Foto: Illustration of idea light bulb as human head creating ideas de shutterstock.com

Ad

STAY CONNECTED

 
Ad